Soninho inteligente

Recém-nascidos e sonecas curtas

Mari Pissini
Mari Pissini

Meu bebê só tem sonecas curtas, o que estou fazendo de errado?!

Muitas mães me procuram com essa pergunta. O que fazer para o bebê recém-nascido dormir sonecas mais longas? Parece um mistério!

Mas deixa eu te contar uma coisa. Você não está falhando em nada. O bebezinho é muito novinho ainda e está descobrindo como é o mundo aqui fora. Além disso, seu sistema nervoso ainda é muito imaturo.

“Mari, mas eu conheço uma amiga que o bebê dorme duas horas em todas as sonecas!”. Eu posso te garantir que isso não acontece todos os dias. É simplesmente irreal para a maioria dos bebês nessa idade. Vou explicar melhor.

Bebês a partir de 5 meses começam a mostrar mais regularidade nas sonecas

É uma questão de desencolvimento mesmo. Sabia que 20-120 minutos é considerada uma soneca normal e apropriada para um bebê recém-nascido?! Pode ler de novo. É super normal!

Essas sonecas curtas que deixam a gente doida são comuns nos primeiros meses de vida. Elas deixam o ritmo do dia todo bagunçado mesmo e se você está tentando seguir alguma tabela de algum livro, nessa altura já deve estar arrancando os cabelos.

Mas o que fazer então Mari?! Vou te contar.

Ajudando seu pequeno a dormir mais e melhor

Os meus segredos para recém-nascidos estão no curso Newborn, claro! Mas posso dar uma pista: se foca nas noites antes de querer conquistar as sonecas. Se tem uma coisa apenas para você trabalhar seria ensinar gradualmente seu pequeno a dormir mais independente. Se você já tem acesso ao curso Newborn, assista com atenção as dicas 5 e 7. Parece uma missão impossível, mas você vai ficar surpresa como a repetição gradual faz milagres. Ver seu pequeno dormindo mais independente (e sem choro) não tem preço. Ah… essas dicas também ajudam a esticar mais e mais as primeiras horas de sono.

Durante o dia, pratique o ritmo da Tracy Hogg (Encantadora de Bebês) mamar, brincar, dormir. Para bebês de um mês a parte do “brincar” será praticamente a troca de fralda. A janela de sono é bem curtinha mesmo. Pense em oferecer a soneca depois de 60-90 minutos acordado. Mas não se esqueça de oferecer a mamada a cada 2-3 horas durante todo o dia, e claro, quando perceber sinais de fome.

Essas dicas já ajudam demais. Mas não deixe que as sonecas curtas roubem a alegria desses primeiros meses. Tá tudo bem. Apenas lembre-se: sempre ofereça sonecas, essa é a sua responsabilidade. Está no controle do seu bebê aceitar ou não. Entende? Não está no seu controle fazer seu bebê dormir e se manter dormindo por uma soneca perfeita.

Dê uma olhadinha em como seria um ritmo do dia na vida real:

Percebeu que essa mãe fez o que estava no controle dela? Ofereceu mamadas a cada 2-3 horas de acordo com os sinais de fome, tentou ao máximo separar a mamada do soninho e ofereceu as sonecas a cada 60-90 minutos de tempo acordado (a famosa janela de sono).

Não esqueça que os primeiros 3 meses do bebê é como se fosse um “quarto trimestre”. O Dr. Harvey Karp explica que nessa fase de exterogestação, o bebê é tão imaturo que recriar o útero ajuda demais a manter um bebê calmo e seguro. Um dia será diferente do outro, e tá tudo bem. Você não está fracassando. Isso só significa que seu bebê é um recém-nascido e que está passando por saltos de desenvolvimento e crescimento que acabam causando certa regressão.

Não desanime! Continue praticando o que aprendeu aqui e no curso Newborn. A meta é construir uma boa fundação de sono. O progresso pela prática é mais importante do que a perfeição do dia a dia.

Se por acaso seu bebê já tem 13 semanas ou mais, parabéns! Ele não é mais um recém-nascido e vocês ainda podem trazer o soninho de volta. Veja mais sobre isso no Mini Curso Regressão do 4º mês.

Espero que eu tenha trazido mais leveza para você nessa fase tão gostosa de recém-nascido. As sonecas curtas não estão apontando o dedo na sua cara e mostrando o quanto está falhando. Você está fazendo um trabalho maravilhoso e é a melhor mãe do mundo para o seu bebê!

 

 

Olá!

Sou a Mari Pissini

I’m a mom of four, neonatal nurse, wife of a pediatrician, and a certified pediatric sleep consultant. My passion is teaching parents how to help their babies sleep with the science of a nurse and the heart of a mama so they can reclaim the joy of parenthood.